Aterros previstos pelo governo aumentam superficie de Macau em 13 por cento

5 December 2005

Macau, China, 05 Dez – O governo de Macau anunciou planos para a construção de novos aterros que vão aumentar a área do território em 13 por cento, escreve hoje o jornal Macau Post.

O matutino em língua inglesa refere que o secretário para os Transportes e Obras Público do governo de Macau, Ao Man Long, anunciou na Assembleia Legislativa que os quatro aterros previstos vão aumentar a área de Macau em 3,6 quilómetros quadrados e permitir o alojamento de 120 mil pessoas.

A população de Macau no final de 2004 era de 465 mil pessoas.

Após a conclusão dos aterros localizados na Taipa e na zona de fronteira com a China Continental a área de Macau aumentará de 27,5 para 31,1 quilómetros quadrados.

Em 1912 a área da península de Macau e das ilhas da Taipa e Coloane era de 11,6 quilómetros quadrados.

O aterro junto à fronteira ficará igualmente na zona onde será construída a futura ponte que vai ligar Macau a Hong Kong através da Zona Económica Especial de Zhuhai.

Ao Man Long anunciou ainda que os concursos para a realização dos aterros poderão ser lançados em 2006.

OS futuros aterros estão destinados a zonas comerciais e residenciais, instalações desportivas, áreas comerciais, casinos, hóteis e turismo.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH