Moçambique com défice de 746 milhões de dólares com a África do Sul

29 December 2005

Maputo, Moçambique, 29 Dez – Moçambique é o país africano que regista o maior desequilíbrio comercial com a África do Sul, sendo antecedido apenas pelo Reino Unido, Japão e a Holanda, de acordo com dados oficiais sul-africanos.

Os dados, até Setembro, revelam que Moçambique apresenta um défice nas suas trocas comerciais com a África do Sul de 4.742 milhões de rands (746 milhões de dólares), valor que deve ultrapassar o registado em 2004 (4.872 milhões de rands) mas manter-se aquém dos observados em 2003 e 2002 (5.395 e 6.105 milhões de rands, respectivamente).

Nos primeiros 9 meses do ano, Moçambique comprou à África do Sul produtos e serviços no valor de 4.844 milhões de rands, em quebra face aos anos anteriores, o que lhe permite situar-se na 14ª posição dos países que mais compram à África do Sul.

Em termos de importações, a África do Sul adquiriu a Moçambique até Setembro apenas 141 milhões de rands, remetendo Moçambique para a 65ª posição no que se refere aos países que mais vendem à África do Sul.

Os sul-africanos exportaram, entretanto, para Angola 2.663 milhões de rands até Setembro e importaram bens no valor de 1.889 milhões de rands, o que representa um saldo positivo de 849 milhões de rands.

Em termos de vendas á África do Sul Angola apresenta-se em 30º lugar enquanto se encontra na 21ª posição no que respeita às importações.

O comércio da África do Sul com os restantes países de língua oficial portuguesa em África – Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde – é praticamente negligenciável. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH