Portugal cria sociedade financeira para crédito e capital de risco a empresas nos PALOP

30 December 2005

Lisboa, Portugal, 30 Dez – O Governo português vai criar uma sociedade financeira para o desenvolvimento (SOFID) que visa captar fundos internacionais para concessão de crédito e capital de risco a projectos de empresas portuguesas nos países africanos lusófonos.

O Conselho de Ministros aprovou quinta-feira a resolução que constitui um grupo de trabalho para criar a SOFID, de capital maioritariamente público, cuja missão central será dinamizar as economias beneficiárias da Ajuda Pública ao Desenvolvimento (APD).

A SOFID “terá por finalidade a concessão de crédito em condições muito especiais para o sector privado empresarial, com vista ao investimento nos países em vias de desenvolvimento, nomeadamente, os que são beneficiários da Ajuda Pública ao Desenvolvimento (APD) portuguesa”, entre os quais se destacam países domo Angola e Moçambique.

A SOFID irá fornecer crédito de exploração, capital de risco e garantias de crédito às empresas portuguesas e irá assumir-se como parceira da Comissão Europeia e do Banco Europeu de Investimentos.

Com a sociedade, o governo espera captar para projectos específicos fundos de instituições internacionais como o Banco Europeu de Investimentos, que concede anualmente empréstimos no valor de 40 mil milhões de euros, ou do Banco Mundial, que disponibiliza 10 mil milhões de euros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH