Exportações do Brasil para São Tomé e Príncipe batem recordes em 2005

4 January 2006

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 04 Jan – As exportações do Brasil para São Tomé e Príncipe atingiram em 2005 um novo máximo, registando até metade do ano um valor seis vezes superior ao total do ano anterior, revelam hoje dados do Banco Central do arquipélago.

Os cerca de 200 mil dólares importados por São Tomé, registados entre Janeiro e Julho de 2005, representam mais do que foi comprado ao Brasil nos últimos cinco anos, e tornam o país sul-americano um dos que mais peso têm na balança comercial do arquipélago.

Também as importações de Angola estavam em alta até metade do ano, ascendendo a 5,5 milhões de dólares, próximo do valor total de 2004.

Portugal, principal exportador para São Tomé e Príncipe, registava vendas de perto de 16 milhões de dólares, em linha com o ano anterior.

No total, as importações são-tomenses ascendiam a 28,7 milhões de dólares até Julho, com o saldo da balança comercial em 26,8 milhões de dólares negativos, tornando praticamente inevitável um novo défice recorde em 2005, tal como aconteceu em cada um dos anos anteriores.

Ainda segundo dados do Banco Central, até Outubro, o stock da dívida externa de São Tomé estava em 364,6 milhões de dólares, cinco por cento acima do registado no final do ano passado.

O serviço da dívida estava calculado em 6,32 milhões de dólares, nove por cento acima do valor de 2004. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH