Empresa chinesa regista facturação de 15 milhões de dólares em 2005 no Brasil

5 January 2006

São Paulo, Brasil, 05 Jan – A empresa chinesa Speed Infotech, fabricante de materiais periféricos de informática, registou uma facturação de 15 milhões de dólares em 2005, seu primeiro ano de operação comercial no Brasil, foi hoje divulgado.

A facturação superou as projecções iniciais e levou a empresa a planear o lançamento de novos produtos no mercado brasileiro, como máquinas frotográficas digitais e computadores, neste ano.

O gerente de Negócios da Speed Infotech, Douglas Martins do Prado, disse que o sucesso da operação no Brasil é resultado das acções de marketing no mercado brasileiro.

“Acredito que o sucesso seja resultado também da popularização de programas como Skype e Messenger”, afirmou o executivo em declarações ao jornal Valor Económico.

Actualmente, os produtos mais vendidos pela empresa chinesa no Brasil são altifalantes, webcams e auscultadores, necessários para o funcionamento de programas como o Skype e o Messenger.

Douglas Martins do Prado avançou igualmente que em 2006 a empresa chinesa continuará a investir em acções de marketing, como o objectivo de promover a sua marca no retalho brasileiro.

A Speed Infotech já assinou contratos com o site de vendas pela Internet Submarino.com, com as lojas Americanas e com a rede de supermercados BIG, controlada pelo grupo francês Carrefour.

Criada em 1998, com sede em Xangai, o grupo chinês tem uma facturação anual de cerca de mil milhões de dólares em todo o mundo.

A fabricante chinesa de computadores e periféricos começou a produzir no Brasil no fim de 2004, através de um acordo com um parceiro local, num investimento total de três milhões de dólares.

O objectivo é transformar o Brasil numa plataforma de exportação para os países da América do Sul, informou o executivo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH