China atrai mais de 60 mil milhões de dólares em IDE em 2005

16 January 2006

Pequim, China, 16 Jan – A China atraiu mais de 60 mil milhões de dólares em investimento directo estrangeiro (IDE) pelo segundo ano consecutivo, revelam dados divulgados sexta-feira em Pequim pelo Ministério do Comércio.

O IDE na China em 2005 ascendeu a 60,33 mil milhões de dólares, um pouco menos do máximo alcançado em 2004 com 60,63 mil milhões, graças aos 7,2 mil milhões registados em Dezembro do ano passado.

O ministério precisou que estes números não incluem os relativos ao crescente investimento estrangeiro em bancios, corretoras e seguradoras chinesas.

O IDE tem sido crucial para o facto de a China se ter tornado na terceira maior nação com o maior volume comercial uma vez que as empresas estrangeiras representam quase 60 por cento de todas as exportações chinesas.

Desde a sua adesão à Organização Mundial do Comércio em finais de 2001, a China recebeu mais de mil milhões de dólares por semana.

Em 2005, o maior volume de IDE a entrar na China provinha de Hong Kong, com 17,95 mil milhões de dólares ou 29,75 por cento do total, seguindo-se a União Europeia a 15, com um crescimento de 22,5 por cento e dos Estados Unidos, cujo volume de IDE na China caiu 22,3 por cento, revelou o ministério sem revelar números. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH