Controlo da inflação é a principal tarefa para 2006 do Banco de Moçambique

27 January 2006

Maputo, Moçambique, 27 Jan – O governador do Banco de Moçambique, Adriano Maleiane, afirmou quinta-feira em Maputo que o controlo da inflação é a principal tarefa do banco central para 2006.

Abrindo uma sessão do Conselho Consultivo do banco, Maleiane manifestou a sua preocupação pelo falhanço no controlo da inflação em 2005.

Em 2004, a taxa de inflação em Moçambique ficou-se em 9,1 por cento, mas em 2005 disparou para 14 por cento contra uma previsão governamental de 8 por cento.

Para o governador do banco central a conclusão é de que algo correu mal sendo por isso necessário introduzir algumas medidas que o permitam corrigir, nomeadamente a de que todos os bancos comerciais a operar em Moçambique têm de funcionar com normas contabilísticas internacionais.

Entretanto, os últimos dados do banco central confirmam que foi a subida dos preços em Dezembro – 5,5 por cento – que arruinou a previsao governamental de 8 por cento.

O último boletim do banco indica ainda que após se ter revalorizado nos últimos meses de 2005, o metical recomeçou a cair tendo perdido 2,4 por cento do seu valor contra o dólar na primeira quinzena de Janeiro.

À data de 13 de Janeiro, Moçambique dispunha de 941,3 milhões de dólares em reservas em divisas, um aumento de 5,5 milhões comparado com 31 de Dezembro de 2005. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH