Vale do Rio Doce vai exportar 9 milhões de toneladas/ano de carvão de Moçambique

8 February 2006

Cidade do Cabo, África do Sul, 08 Fev – A Companhia do Vale do Rio Doce prevê exportar 9 milhões de toneladas de carvão por ano de Moçambique quando a sua exploração de Moatize, na província de Tete, começar no próximo ano, afirmou terça-feira na Cidade do Cabo o vice-ministro das Minas de Moçambique, Abdul Razak Noormahomed.

Falando na conferência Investir na Mineração em África, o vice-ministro adiantou que a Vale do Rio Doce vai concluir um estudo de viabilidade ainda este ano e começar a produção em 2007.

A Vale do Rio Doce apresentou uma proposta de 123 milhões de dólares em 2004 para derrotar a BHP Billiton, a Anglo American Plc e a Rio Tinto Group para ter o direito de explorar Moatize.

O carvão deverá ser enviado a partir de um novo terminal no porto de Nacala através de uma linha de caminho-de-ferro que passará pelo vizinho Malaui.

A Companhia do Vale do Rio Doce, com sede no Rio de Janeiro, prevê investir 124 milhões de dólares em explorações de carvão na China, na Mongólia e em Moçambique. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH