Bancos africanos querem abrir na Guiné-Bissau

13 February 2006

Bissau, Guné-Bissau, 13 Fev – Os bancos CBEAO (Banco de países da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, CEDEAO) e a ECOBANK, presente em 13 países africanos, pretendem instalar-se na Guiné-Bissau, anunciou sábado, em Bissau, o ministro das Finanças guineense.

O ministro Vitor Mandinga, citado pela Lusa – agência de notícias de Portugal, falava por ocasião da abertura do Banco da União (BDU), instituição financeira inteiramente constituída por capitais africanos.

Com um capital social de 2.000 milhões de Francos CFA (mais de três milhões de euros), o BDU tem como accionistas o Fundo de Pensões dos Agentes de Recrutamento do Banco Central dos Estados da Africa Ocidental (BCEAO), Banco de Desenvolvimento do Mali (BDM) e Sociedade Oeste Africana de Gestão de Activos (SOAGA).

O novo banco integra ainda a Fundação para o Desenvolvimento (Fundei), instituição guineense para concessão de financiamentos que gerem actividades produtivas.

O primeiro-ministro Aristides Gomes considerou que “a instalação do BDU na Guiné-Bissau, que já existe nos restantes sete países da União Económica e Monetária Oeste Africana (UEMOA), significa a confiança nas instituições guineenses, mas também na economia local”.

O BDU tem como “parceiros” para correspondências, em Portugal, a Caixa Geral dos Depósitos e o Millenium BCP, sendo Hugo Borges, antigo embaixador da Guiné-Bissau, em Lisboa, o presidente do conselho de administração.

Em funcionamento desde Janeiro, apenas em Bissau, a administração conta abrir em breve agências em Bafatá, Gabu (Leste) e Canchungo (Norte), e posteriormente oferecer serviços de movimentos bancários através de cartões de crédito, o que ainda não existe na Guiné-Bissau.

Com o início das operações do BDU, a Guiné-Bissau passou a contar com três bancos comerciais, sendo os outros o Banco dos Estados da África Ocidental (BAO) detido maioritariamente pelo grupo português Montepio Geral, e o Banco Regional de Solidariedade (BRS). (macauhub)

MACAUHUB FRENCH