Millennium Bcp prepara dispersão de capital na Bolsa de Angola

21 February 2006

Lisboa, Portugal, 21 Fev – O Millennium Bcp está a preparar a dispersão de capital (IPO) da sua filial angolana na nova Bolsa de Valores e Derivativos de Angola (BVDA), que será criada este ano, revelou fonte oficial do maior banco privado português.

Em declarações segunda-feira ao Diário Económico, a mesma fonte adiantou que o objectivo é angariar capital para a expansão no país, e também aumentar a visibilidade da filial angolana, que aguarda actualmente autorização das autoridades para passar a um banco de direito local.

O Millennium Bcp está actualmente a preparar, e apresentará em breve, o seu plano de expansão em Angola, país onde tem actualmente apenas dois balcões comerciais.

O maior banco privado português escolheu o ex-ministro social-democrata Fernando Nogueira para liderar o projecto do novo banco angolano.

O BCP mantém actualmente em Angola uma presença residual, detendo apenas duas agências no país, onde o seu concorrente BPI, através do Banco Fomento Angola, alcançou recentemente a liderança na concessão de crédito.

Esta presença modesta contrasta com a dos seus outros concorrentes portugueses, principalmente o Banco Português de Investimento, que através do Banco Fomento se tornou em 2005 a maior instituição de crédito angolana.

Estão ainda presentes em Angola os bancos portugueses Espírito Santo e Totta, além do recentemente lançado Banco Internacional de Crédito, detido em 25 por cento pelo empresário português Américo Amorim.

No ano passado, o Millennium registou os lucros mais elevados de sempre, 753,5 milhões de euros, mais 24,2 por cento.

Entre outros países, o maior banco privado português está presente na Polónia, Grécia e Moçambique, onde está a alienar a sua posição. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH