Produto Interno Bruto do Brasil cresceu 2,3 por cento em 2005

27 February 2006

Brasília, Brasil, 27 Fev – O Produto Interno Bruto do Brasil cresceu 2,3 por cento em 2005, menos de metade do registado um ano antes, divulgou sexta-feira em Brasília o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o IGBE, o resultado, dentro das previsões do mercado, ficou próximo da média de crescimento da economia brasileira nos últimos 10 anos, de 2,2 por cento.

A expansão da economia brasileira ficou aquém da média de crescimento de 4,3 por cento da América Latina, segundo previsões da Comissão Económica para a América Latina e Caribe (Cepal), superando apenas o Haiti.

Os investimentos registaram um aumento de apenas 1,6 por cento, factor que mais limitou a expansão do produto interno
bruto (PIB) no ano passado.

Entre os sectores produtivos, o melhor desempenho foi o da indústria, que expandiu 2,5 por cento no ano passado.

Analistas económicos consideram que o Brasil não conseguiu aproveitar a conjuntura económica global favorável devido aos juros altos praticados no país e à crise política iniciada em Maio de 2005.

O PIB por habitante cresceu 0,8 por cento em 2005, ano em que a população residente no país cresceu 1,4 por cento, somando 184,2 milhões. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH