Empresas estrangeiras vão prospectar petróleo na bacia do Rovuma em Moçambique

10 March 2006

Maputo, Moçambique, 10 Mar – Quatro empresas petrolíferas do Canadá, Estados Unidos, Malásia e Itália venceram o concurso para a prospecção de petróleo na bacia do Rovuma, no Norte de Moçambique, anunciou quinta-feira em Maputo a ministra dos Recursos Minerais, Esperança Bias.

A bacia do Rovuma cobre uma área de 60 mil quilómetros quadrados nas províncias de Cabo Delgado e Nampula.

Atendendo ao seu tamanho, o governo moçambicano decidiu dividi-lo em 7 zonas, duas das quais (blocos 2 e 5) foram já concedidas à norueguesa Norsk Hydro, ao abrigo de um contrato assinado em Fevereiro.

As quatro empresas vencedoras – a Artumas do Canadá, Anadarko dos Estados Unidos, ENI de Itália e Petronas da Malásia – ficam com as restantes cinco zonas, na sua maior parte “offshore”.

As propostas apresentadas por outras três outras empresas, Norsk Hydro, Rockover da África do Sul e Petrobras do Brasil, foram rejeitadas.

Globalmente, as quatro empresas vencedoras deverão investir cerca de 300 milhões de dólares e perfurar 8 poços de exploração nos cinco blocos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH