Fabricante chinês vai exportar motocicletas para o Brasil

10 March 2006

São Paulo, Brasil, 10 Mar – O grupo chinês Lifan vai iniciar a venda de motocicletas para o Brasil este ano, através de uma parceria com o grupo brasileiro Kasinski, foi divulgado quinta-feira.

O grupo vai exportar para o Brasil motocicletas de baixas cilindradas, prevendo atingir 10 mil unidades comercializadas até ao fim de 2006.

Actualmente, a fabricante japonesa Honda detém uma quota de 80 por cento do mercado brasileiro de motocicletas, cujo tamanho total deverá atingir 1,16 milhões de unidades até ao fim deste ano.

A Lifan planeia vender no Brasil modelos de 50 cc a 250 cc a um custo final para o consumidor de cerca de dois mil reais (910 dólares), metade do valor actual das motocicletas japonesas.

O director de marketing da Lifan, Yufeng Sun, que esteve em São Paulo para a assinatura do contrato de exportação, avançou ainda que as motocicletas a serem exportadas para o Brasil são produzidas em Chongqing, no Oeste da China.

Criada há 40 anos, a Kasinski é um fabricante brasileiro que produz sete modelos de motocicletas de marcas internacionais, numa unidade industrial em Manaus, capital do Estado do Amazonas, na região Norte do Brasil.

A fabricante chinesa Lifan está interessada igualmente em adquirir a fábrica Tritec que produz motores da Daimler-Chrysler e da BMW no Brasil.

A fábrica, considera uma das mais modernas no mundo, está localizada na cidade de Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba, capital do Estado do Paraná, na região Sul do Brasil.

Resultado de um investimento de 500 milhões de dólares, em 1996, a fabrica utiliza tecnologias modernas norte-americana e alemã no fabrico de motores Tritec, com uma produção de 250 mil motores por ano.

O objectivo da montadora chinesa, caso sua oferta de compra seja aceite, é desmontar a fábrica e montá-la novamente em Chongqing, a mais de 1,3 mil quilómetros do local actual.

O Lifan Group planeia realizar toda a transferência da fábrica nos próximos anos, de forma a iniciar a produção de motores na China em 2008. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH