Crescimento económico de África aumenta para 5,4 por cento em 2006

20 March 2006

Lusaca, Zâmbia, 20 Mar – O crescimento económico médio dos países africanos deverá ascender a 5,4 por cento este ano, 0,6 pontos percentuais acima do registado no ano passado, revelou sábado o director do Fundo Monetário Internacional, Rodrigo Rato.

Falando na capital zambiana, Lusaca, durante um périplo por alguns países africanos, Rato adiantou que o crescimento das economias africanas será auxiliado pelo perdão da dívida do Fundo Monetário Internacional, concedido no final do ano passado, e que demonstra “consistência”.

“Temos tido perspectivas de crescimento económico sustentável em África, agora é altura de construir uma forte estabilidade macroeconómica”, afirmou Rato.

O director do Fundo visitou alguns dos 13 países abrangidos pelo perdão da dívida, como a Zâmbia, o Gana e o Uganda.

Teve também encontros com responsáveis de Moçambique, Etiópia, Tanzânia e Malaui.

A digressão começou na Guiné Equatorial, onde manteve contactos com líderes de alguns países produtores de petróleo da região, para discutir formas de tornar mais transparente o funcionamento das economias.
(macauhub)

MACAUHUB FRENCH