Cahora Bassa falha primeiro pagamento da dívida a Portugal

21 March 2006

Lisboa, Portugal, 21 Mar – A Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB) falhou a primeira prestação, no valor de 125 milhões de dólares, do pagamento da dívida a Portugal, e deverá falhar também a próxima, prevista para Outubro, noticiou na sua última edição o Diário Económico.

De acordo com o Ministério das Finanças português, o não-pagamento deveu-se ao atraso nas negociações técnicas, só finalizadas na sexta-feira, mas o jornal português, citando fonte não identificada, adianta que “existe uma incapacidade financeira em pagar qualquer montante”.

O memorando de entendimento entre Portugal e Moçambique, assinado no final do ano passado, previa o pagamento de 950 milhões de dólares a Portugal, dos quais 125 milhões em Janeiro e outra prestação de igual montante em Outubro.

Os restantes 700 milhões de dólares seriam pagos por Moçambique no prazo de um ano a partir da assinatura do acordo.

Após a conclusão das negociações técnicas, na sexta-feira, o primeiro-ministro português, José Sócrates, visita Moçambique “muito em breve”, para assinar o acordo final, de acordo com o Governo.

Fonte moçambicana adiantou ao Diário Económico que uma das soluções do governo moçambicano para desbloquear a questão do pagamento da dívida passa pela venda de perto de 30 por cento do capital da HCB, que está a ser negociada com a sul-africana Eskom.

O memorando de entendimento prevê que Moçambique passe de uma posição de 18 para 85 do capital da HCB e Portugal reduza dos actuais 82 para 15 por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH