Escom promove projecto de Hospital Português de Luanda com capital luso-angolano

7 April 2006

Lisboa, Portugal, 07 Abr – A Escom foi nomeada pelo governo português para promover o projecto do novo Hospital Português de Luanda, que será concretizado por um consórcio luso-angolano que está a ser formado, revelou o presidente da empresa detida pelo grupo financeiro português Espírito Santo.

Em entrevista ao Diário Económico, Helder Bataglia afirmou que a função da Escom, que em Angola actua no sector dos diamantes, energia, entre outros, será “montar uma operação com os bancos portugueses para o financiamento e outra para a construção”, e posteriormente “abrir a angolanos o capital” do consórcio.

Os estudos desenvolvidos pela Escom, que já esteve ligada à gestão de unidades de saúde em Angola, serão transferidos para o novo consórcio, e, adiantou o presidente da Escom, o projecto final será “de grande dimensão”.

A iniciativa resulta do alargamento a outros parceiros privados e ao governo português, de um outro projecto anterior para uma clínica em Luanda, a construir em parceria com a Espírito Santo Saúde, pertencente ao mesmo grupo financeiro português. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH