Confiança empresarial em alta no turismo e construção em Cabo Verde

18 April 2006

Cidade da Praia, Cabo Verde, 18 Abr – A confiança empresarial nos sectores do turismo e construção de Cabo Verde continuou a subir no primeiro trimestre do ano em termos homólogos, revelam dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

O sector do turismo foi o que melhor desempenho registou, com a confiança dos agentes a acelerar em relação ao trimestre anterior e a ficar acima do registado em igual período de 2005.

As “dificuldades em encontrar pessoal com formação apropriada e a insuficiência da procura” são as principais dificuldades apontadas pelos empresários deste sector.

Apesar das queixas quanto a “insuficiência da procura, deterioração das perspectivas de venda e falta de materiais”, a confiança na construção civil e obras públicas continuou a subir, pelo sétimo trimestre consecutivo, mas era ainda negativa no final de Março.

O comércio em feira inverteu a tendência descendente verificada nos últimos trimestres, graças à melhoria das vendas e boas perspectivas de encomendas, segundo os dados divulgados pelo INE, enquanto que o comércio em estabelecimento registou um abrandamento face à variação homóloga no trimestre anterior.

No sector dos transportes e serviços auxiliares registou-se uma descida da confiança dos operadores, contrariando a tendência ascendente desde o final de 2004.

Segundo o INE, os operadores inquiridos queixam-se de “dificuldades financeiras, a concorrência desleal e a insuficiência da procura”.

O pior desempenho entre os diversos sectores registou-se na indústria transformadora, que caiu pelo segundo trimestre consecutivo, depois de ter atingido o seu ponto mais alto no terceiro trimestre do ano passado.

As principais dificuldades apontadas são “financeiras e a falta de matérias-primas”, “excesso de burocracia e regulamentações estatais, elevado grau de absentismo do pessoal e insuficiência de equipamentos”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH