Coreanos da Samsung envolvidos na construção de cimenteira em Angola

19 April 2006

Sumbe, Angola, 19 Abr – Uma fábrica de cimento com capacidade para produzir 1,2 milhões de toneladas por ano vai ser construída em Sumbe, província do Kwanza-Sul, afirmou à agência noticiosa angolana Angop o responsável pelo projecto, Marcos Sassa.

O projecto, disse Sassa, está orçado em mais de 400 milhões de dólares e conta com o financiamento da transnacional sul-coreana Samsung.

A primeira fase terá início em Agosto próximo com a preparação do terreno onde a fábrica irá ser construída devendo o projecto ficar concluído em 2008.

Além da fábrica e do equipamento necessário para o seu funcionamento vai ser construída uma ponte-cais em Sumbe para fazer sair a mercadoria e receber os materiais necessários.

A prospecção da área, iníciada em 2003, foi concluída em Julho de 2005, conduzido por uma equipa de nove técnicos sul-coreanos e quatro angolanos, que constataram a existência de argila, calcário e outras matérias-primas necessárias para produção de cimento, com reservas de exploração calculadas até 100 anos.

Esta será a primeira indústria do género a ser construida na província do Kwanza-Sul.

A província do Kwanza-Sul é rica em mica, gesso, ouro, quartzo, ferro, águas térmicas e diamantes, e possui uma extensão geográfica de 58.620 quilómetros quadrados, com uma população estimada em cerca de 2,5 milhões de habitantes. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH