Activos dos bancos comerciais de Cabo Verde duplicaram num ano

11 May 2006

Cidade da Praia, Cabo Verde, 11 Mai – Os activos dos bancos comerciais de Cabo Verde mais do que duplicaram num ano, para 8,8 mil milhões de escudos cabo-verdianos (101,5 milhões de dólares) em Março, revelam dados do banco central do arquipélago.

A síntese dos agregados monetários, divulgada esta semana, revela que só de Fevereiro para Março as reservas dos bancos aumentaram 13,9 por cento, sustentanto só por si o aumento dos activos externos cabo-verdianos no período, de 0,7 por cento, para 24,4 mil milhões de escudos (281,3 milhões de dólares).

Os activos estrenos do Banco de Cabo Verde recuaram 5,4 por cento e as reservas internacionais líquidas estavam em 16,5 mil milhões de escudos (190,2 milhões de dólares) em Março, menos 5,2 por cento do que no mês anterior.

Esta descida nas reservas, que num ano ascendeu a 33 por cento, ficou a dever-se “fundamentalmente às operações de venda de divisas a instituições de crédito”, segundo o banco central.

O crédito interno aumentou cinco por cento num ano, e 1,2 por cento de Fevereiro para Março, para 60,9 mil milhões de escudos cabo-verdianos (702,2 milhões de dólares).

O crédito ao sector público aumentou 2,1 por cento em termos mensais, para 25,9 mil milhões de escudos (298,6 milhões de dólares), e o crédito à economia cifrou-se em 34,9 mil milhões de escudos (402,4 milhões de dólares), mais 0,6 por cento.

Ainda segundo o banco central, em Março a variação média anual do índice de preços ao consumidor atingiu 1,5 por cento, aumentando 4,7 por cento em relação ao ano passado e 0,8 por cento face ao mês anterior. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH