Investidores chineses procuram em Cabo Verde oportunidades no imobiliário e turismo

24 May 2006

Cidade da Praia, Cabo Verde, 24 Mai – Um grupo de 12 empresários chineses está esta semana de visita a Cabo Verde, em busca de oportunidades de investimento nos ramos turístico e imobiliário, noticiou a imprensa local.

Os empresários, que optaram por não prestar declarações à imprensa local, estão a estudar, em particular, a possibilidade de investir na construção de hotéis e moradias no arquipélago, de acordo com o diário cabo-verdiano A Semana.

A visita de quatro dias teve início na ilha do Sal, centro turístico do arquipélago, e onde está localizado o principal aeroporto internacional, prosseguindo na quarta-feira na capital, Praia, com uma ronda de encontros com as autoridades locais.

Recentemente, o empresário de Macau David Chow anunciou que vai investir cerca de mil milhões de patacas (130 milhões de dólares), até 2009, na construção de um complexo turístico no ilhéu de Santa Maria, ao largo da capital cabo-verdiana, que inclui casino, hotel, marina, restaurantes e piscinas.

O empresário de Macau tem também previstos mais de 3 mil milhões de patacas em investimentos em Cabo Verde, com destaque para a capital, nos próximos dez anos.

De acordo com fontes consultadas pelo Macauhub, um grupo de capital luso-chinês encontra-se também a estudar investimentos no arquipélago, no turismo e salas de jogo.

O turismo de Cabo Verde tem beneficiado de um forte crescimento nos últimos anos, sendo já um dos principais motores da economia e entrada de divisas.

No ano passado, os estabelecimentos hoteleiros de Cabo Verde receberam 233 mil turistas, mais 26,4 por cento do que no ano anterior, com a ilha do Sal a reforçar-se como principal destino, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística do arquipélago. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH