Investimento de 2,5 mil milhões visa tornar Cabo Verde destino de topo para o golfe

26 May 2006

Cidade da Praia, Cabo Verde, 26 Mai – Cabo Verde vai receber investimentos no total de 2,5 mil milhões de euros no turismo associado ao golfe, com objectivo de tornar o arquipélago um destino mundial na prática da modalidade, noticia a imprensa local.

Os contratos relativos aos dois principais projectos de investimento foram assinados na quarta-feira em Inglaterra, entre as autoridades cabo-verdianas e a promotora Cape Verde Development, a Ernie Els, empresa do golfista número três do ranking mundial, e a PGA Golf Management.

Os projectos incluem dois “resorts” turísticos, um na ilha do Sal (Murdeira Beach) e outro em São Vicente (Baía das Gatas), a serem inaugurados até 2011, segundo o diário Liberal.

Estes dois empreendimentos incluem quatro campos de golfe, numa altura em que outros estão a ser desenvolvidos no arquipélago, além de marinas, zonas comerciais e hotéis.

De acordo com os promotores, os novos projectos permitirão criar perto de cinco mil postos de trabalho no arquipélago.

Os acordos foram assinados durante o BMW Championship, que está a decorrer no Clube de Golfe Wentworth, em Inglaterra.

O turismo de Cabo Verde tem beneficiado de um forte crescimento nos últimos anos, sendo já um dos principais motores da economia e entrada de divisas.

No ano passado, os estabelecimentos hoteleiros de Cabo Verde receberam 233 mil turistas, mais 26,4 por cento do que no ano anterior, com a ilha do Sal a reforçar-se como principal destino, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística do arquipélago. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH