Brasileira Vale do Rio Doce vai construir caminho-de-ferro entre Moatize e Nacala

8 June 2006

Blantyre, Malawi, 08 Jun – A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) vai construir uma linha de caminho-de-ferro para transportar carvão das minas de Moatize para o porto de águas profundas de Nacala, em Moçambique, afirmou em Blantyre um responsável da empresa.

A linha de caminho-de-ferro passará pela capital comercial do Malawi, Blantyre, a caminho de Nacala, afirmou Malcolm Miller, gestor de projectos da CVRD, empresa brasileira que em 2004 ganhou a concessão para explorar as minas de carvão de Moatize.

As operações mineiras deverão começar em 2009.

Miller adiantou que o projecto ainda não está concluído mas que a construção da linha deverá demorar 33 meses com os trabalhos a terem início em Dezembro próximo.

As minas de Moatize, que precisam de um investimento inicial de mil milhões de dólares, irão produzir 14 milhões de toneladas de carvão por ano durante 35 anos, disse ainda Miller. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH