Banco Mundial concede crédito de 16 milhões de euros a Moçambique

22 June 2006

Maputo, Moçambique, 22 Jun – O Banco Mundial anunciou a concessão de um crédito de 16 milhões de euros para apoiar a criação de projectos de desenvolvimento da agricultura de pequenos produtores moçambicanos no Vale do Zambeze no centro de Moçambique.

O crédito, aprovado pelos directores executivos do Banco Mundial, será providenciado nos termos definidos pela Associação Internacional para o Desenvolvimento (IDA), com uma taxa de compromisso de 0,35 por cento e outra de 0,75 por cento, durante um período de 40 anos.

Um comunicado do Banco Mundial em Maputo indica que a iniciativa, que visa aumentar o rendimento de pequenos agricultores em distritos seleccionados da região do Vale do Zambeze, deverá ser conseguido através de apoio directo àqueles grupos e outros participantes da cadeia de fornecimento.

A iniciativa pretende impulsionar alguns programas de desenvolvimento naquela região moçambicana, financiados pelo Banco Mundial, nomeadamente o segundo projecto de estradas e pontes a linha férrea da Beira, que “irão contribuir para abrir o acesso ao Vale do Zambeze e assim melhorar as condições do sucesso do projecto”, frisa o Banco Mundial.

O crédito comporta ainda uma componente de investimento agrícola comunitário e ambiental que visa providenciar recursos financeiros e assistência técnica para apoiar investimentos públicos e privados relacionados com a agricultura, designadamente comunicações e infra-estruturas de armazenamento.

Igualmente irá prestar auxílio ao investimento de pequena escala e produtivos no sector agrícola, pecuária, aquacultura, agro processamento e investimentos na gestão melhorada de recursos naturais.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH