Huawei pode vir a fornecer tecnologia GSM à operadora móvel brasileira Vivo

28 June 2006

São Paulo, Brasil, 28 Jun – A chinesa Huawei pode vir a fornecer tecnologia GSM à operadora móvel brasileira Vivo, participada pela Portugal Telecom e Telefónica, um contrato avaliado em dois mil milhões de dólares.

De acordo com o jornal Gazeta Mercantil, a Vivo, maior operadora de comunicações móveis na América Latina, pediu no final da semana passada um orçamento às principais empresas de redes de telecomunicações a nível mundial, estando em consultas também com a Siemens, Nokia e Alcatel.

Em causa está a modernização da rede da Vivo, que actualmente opera a tecnologia CDMA, que tem criado dificuldades ao desenvolvimento do negócio, uma vez que todos os seus principais concorrentes já operam em GSM, que permite maior qualidade e fiabilidade de comunicações.

O contrato está avaliado em dois mil milhões de dólares mas, de acordo com o jornal brasileiro, pode vir a baixar substancialmente em leilão, para cerca de metade.

Entretanto, o Jornal de Negócios noticia que a Telefónica pretende trocar a participação de 10 por cento que detém na Portugal Telecom e os perto de 32 por cento na marroquina Medi Telecom pela metade do capital social da Vivo que está nas mãos da operadora portuguesa.

Para os analistas do BPI, a oferta fica aquém do valor de metade da Vivo, avaliado em 1,7 mil milhões de euros.

Isto porque a participação na PT vale 1,1 mil milhões de euros, ao preço actual das acções da operadora no mercado, e o capital da empresa marroquina mais 245 milhões de euros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH