União Europeia destina 5,6 mil milhões de euros para grandes redes transafricanas

14 July 2006

Bruxelas, Bélgica, 14 Jul – A Comissão Europeia aprovou quinta-feira uma proposta de parceria entre a União Europeia e África a nível de infra-estruturas, que contempla um envelope inicial de 5,6 mil milhões de euros para o desenvolvimento de grandes redes transafricanas.

Este montante de base, proveniente do décimo Fundo Europeu de Desenvolvimento (2008/2013), será consagrado aos eixos prioritários nos domínios dos transportes terrestres, energia, água, tecnologias de informação e redes de telecomunicações, com uma perspectiva regional.

Observando que a falta de infra-estruturas e de serviços no continente africano limita seriamente o crescimento económico e constitui um entrave ao desenvolvimento humano e social, a Comissão aponta que mais de 300 milhões de pessoas – cerca de 42 por cento da população africana – não têm ainda acesso a água potável.

As vias de transporte rodoviário “são pouco numerosas”, a sua manutenção “insuficiente”, a cobertura da rede ferroviária é “escassa” e a interligação das redes “diminuta”, assinala também a Comissão.

Outro dos sectores onde a comissão aponta a necessidade de se desenvolverem as infra-estruturas é o das telecomunicações, assinalando Bruxelas que as telecomunicações intra-africanas têm normalmente de transitar via Europa ou América devido à falta de interconexões.

A Comissão Europeia estima que o primeiro conjunto de projectos de infra-estruturas possa ser apreciado e aprovado já no final do ano em curso, de modo a arrancarem em 2007. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH