Quarenta e sete empresas portuguesas estreiam-se na Filda

26 July 2006

Luanda, Angola, 26 Jul – Das 117 firmas portuguesas que vão participar na 23ª edição da Feira Internacional de Luanda (Filda/2006) 47 são estreantes, disse terça-feira, em Luanda, o delegado dos serviços comerciais e de turismo (ICEP) da embaixada de Portugal, Fernando Anjos.

Em declarações à imprensa, a propósito da participação de Portugal na feira, a decorrer desde hoje até dia 30, o responsável do ICEP frisou que o aumento do interesse empresarial português é ilustrado pela presença destas empresas que superam as 104 firmas presentes em 2005.

Além das 117 empresas que participam directamente no pavilhão português, esclareceu, há outras firmas formadas com capitais portuguesas que estarão no evento, mas em outras salas de exposição.

Fernando Anjos acentuou que o interesse dos empresários portugueses em investir em Angola é enorme, pois, apesar de já não existir espaço no pavilhão luso, 30 outras firmas pretendiam marcar presença, mas não o farão por escassez de espaço.

Para a FILDA-2006, explicou Fernando Anjos, o ICEP deu maior prioridade à presença de firmas com actividades ligadas aos materiais e equipamentos para construção civil, eléctricos, electrónicos, industriais, entre outros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH