Tullow Oil compra participação de 50 por cento no Bloco 1/06 de Angola

10 August 2006

Londres, 10 Ago – A britânica Tullow Oil anunciou a compra de 50 por cento do bloco 1/06 do “off-shore” angolano à petrolífera estatal Sonangol, reforçando a sua posição no mercado energético do país.

A Tullow pagou à Sonangol um bónus de assinatura de 10 milhões de dólares pela participação no bloco no norte de Angola e vai agora assinar um contrato de partilha de produção com a petrolífera estatal, segundo adiantou em comunicado.

O bloco em causa tem uma área de 3.800 quilómetros quadrados e situa-se na região inferior da bacia do rio Congo, contendo três poços de petróleo virgens.

A Tullow anunciou ainda que o projecto West Espoir, na Costa do Marfim, no qual tem uma participação de 21 por cento, iniciou a 26 de Julho a produção de petróleo e gás, em quantidade de 5.000 barris diários.

A Tullow Oil está envolvida actualmente em perto de 20 prospecções de gás e petróleo em todo o Mundo.

A empresa tem interesses na Ásia, Europa e África, onde, além de Angola, actua na produção e exploração em países como o Gabão, Costa do Marfim, Congo, Senegal e Camarões.

No início do ano, comprou à Ocean Angola, do grupo Devon Energy, uma participação de 15 por cento no bloco 24 do “offshore” angolano, em exploração no Sul da bacia do rio Cuanza.

Passou assim a deter uma participação igual à da malaia Petronas, no bloco que tem como principais participantes a Esso (operador, 50 por cento) e Sonangol Pesquisa e Produção (20 por cento).

Este campo é adjacente ao bloco 10, em prospecção, no qual a Tullow Oil detém também uma participação de 15 por cento.

A última perfuração feita neste bloco, Kabetula-1, feita no final de Dezembro, não produziu resultados, apesar de as pesquisas terem excedido os 1.800 metros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH