Governo de Moçambique investe na revitalização das infra-estruturas aeroportuárias

21 August 2006

Maputo, Moçambique, 21 Ago – O governo moçambicano vai investir o equivalente a 106 milhões de euros na reabilitação, ampliação e modernização de infra-estruturas aeroportuárias, incluindo os aeroportos internacionais de Maputo e da Beira, anunciou sexta-feira em Maputo o Instituto de Aviação Civil de Moçambique.

O projecto, a desenvolver nos próximos dois anos, abrangerá ainda os aeroportos de Pemba, na província de Cabo Delgado, Quelimane, na Zambézia, Tete, na província com o mesmo nome, e os aeródromos de Vilankulo, em Inhambane, e Ponta de Ouro, em Maputo.

Em Maputo, as obras consistirão na ampliação e remodelação do Aeroporto Internacional da capital do país e extensão da respectiva pista de aterragem.

Nas cidades da Beira, capital provincial de Sofala, Quelimane e Tete, o arranque dos trabalhos está previsto para Janeiro do próximo ano, indica um documento do Instituto da Aviação Civil de Moçambique, divulgado no decurso do 25º Conselho Coordenador do Ministério dos Transportes e Comunicações, que sexta-feira terminou em Quelimane, capital provincial da Zambézia.

O governo moçambicano vai igualmente investir na renovação da frota de aviões e helicópteros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH