Chinesa ZTE Corp com quebra de 47 por cento nos resultados líquidos do primeiro semestre

25 August 2006

Shenzhen, China, 25 Ago – A ZTE Corporation, o segundo maior fabricante chinês de equipamento de telecomunicações, anunciou quinta-feira em Shenzhen que os resultados líquidos do primeiro semestre caíram 47 por cento para 347,1 milhões de yuan relativamente aos 660 milhões do mesmo período de 2005.

As vendas aumentaram 1,82 por cento para 10,49 mil milhões de yuan, tendo todos os ganhos sido obtidos nos mercados emergentes que cresceram 25,8 por cento para 3,96 mil milhões de yuan ou 37,8 por cento das receitas totais no período (30,5 por cento no primeiro semestre de 2005).

As vendas domésticas caíram 8,8 por cento para 6,52 mil milhões de yuan devido à falta de investimento com as empresas a aguardar a atribuição das licenças de 3ª geração, o que deverá ocorrer no final do ano ou no início do próximo.

O presidente da ZTE, Yin Yimin, afirmou que a principal razão para os fracos resultados é o aumento do investimento no exterior associado a um acréscimo de despesas com investigação e desenvolvimento.

A ZTE é uma das empresas fornecedoras de aparelhos de telemóveis para a Vivo, “joint-venture” no Brasil entre a Portugal Telecom e a espanhola Telefónica Móviles, a maior operadora móvel do Hemisfério Sul, com 30 milhões de utilizadores.

Em Dezembro de 2005, a operadora portuguesa de telecomunicações Ar Telecom e a ZTE assinaram um acordo para entrar conjuntamente em mercados emergentes da Europa Central e Ásia.

O acordo incluiu a implantação em Portugal de uma plataforma avançada de serviços de voz, desenvolvida pela ZTE. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH