Empresários da Guiné-Bissau em Portugal em Novembro

28 August 2006

Bissau, Guiné-Bissau, 28 Ago – Uma jornada de oportunidade de negócios e investimentos terá lugar em Portugal em Novembro em organização conjunta do governo guineense, da Câmara do Comércio, Indústria e Agricultura (CCIA) da Guiné-Bissau e do ICEP – Instituto das Empresas para os Mercados Externos.

O anúncio foi feito sexta-feira no termo de uma jornada semelhante com empresários do Senegal, no decurso da qual foram assinados 35 acordos entre empresários e empresas dos dois países, nomeadamente nos domínios de agricultura, pescas, turismo, comércio geral, banca, seguros.

Paralelamente, a CCIA e a União Nacional das Câmaras do Comércio, Indústria e Agricultura (UNCCIAS) do Senegal rubricaram um protocolo de acordo para vigorar nos próximos cinco anos, com ênfase nos domínios económico e sócio-cultural.

Com o acordo, os empresários guineenses pedem aos congéneres senegaleses que sirvam de “financiadores” dos seus projectos para o relançamento do sector privado local considerado descapitalizado devido a crises cíclicas que assolaram a Guiné-Bissau nos últimos anos.

A iniciativa projectada pelo ministro da Economia, Issufo Sanhá e pelo vice-presidente da CCIA, Braima Camará, visou atrair os empresários senegaleses para o mercado guineense, mobilizando estes a trazer o conhecimento e o capital.

De realçar o acordo rubricado no sentido de se criar um banco senegalo-guineense, na Guiné-Bissau, bem como a promessa deixada pela UNCCIAS para ajudar a construção da sede da CCIA guineense. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH