Chinesa Hainan Airlines adquire 100 aviões a jacto à brasileira Embraer

31 August 2006

Brasília, Brasil, 31 Ago – A transportadora aérea chinesa Hainan Airlines Company adquiriu 100 aviões a jacto à Empresa Brasileira de Aeronáutica – Embraer pelo preço de 2,7 mil milhões de dólares, em cerimónia realizada quarta-feira em Brasília com a presença do presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Os aparelhos – 50 ERJ 145 e outros 50 Embraer 190 – deverão começar a ser entregues em 2007, sendo que os primeiros, com 50 assentos, serão fabricados pela “joint-venture” Harbin Embraer Aircraft Industry, na cidade de Harbin, província de Heilongjiang.

Os Embraer 190, com 106 assentos, serão produzidos na fábrica da Embraer, em São José dos Campos, e as primeiras entregas estão previstas para Dezembro de 2007.

A Embraer emprega actualmente cerca de 17500 trabalhadores nas suas unidades no Brasil, China, Europa e Estados Unidos da América, e dispõe de uma carteira de pedidos firmes de 10,2 mil milhões de dólares.

Criada há 37 anos, a Embraer já produziu cerca de 3900 aviões, que hoje operam em 70 empresas aéreas em 43 países.

A empresa já recebeu encomendas de outras transportadoras aéreas chinesas, nomeadamente da China Eastern Airlines.

Entretanto, a Hainan Airlines vai começar a fazer a ligação Macau-Pequim a partir de 29 de Outubro, foi quarta-feira anunciado em Macau.

Trata-se da segunda ligação aérea directa entre Macau e a capital da China, depois da Air Macau, e a Hainan Airlines planeia manter um voo diário entre as duas cidades. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH