Ministro Mário Lino representa Portugal e ministro Bo Xilai a China no “Fórum Macau”

19 September 2006

Macau, China, 19 Set – O ministro dos Transportes e Obras Públicas, Mário Lino, preside à delegação de Portugal que participa na segunda reunião ministerial do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Oficial Portuguesa.

Mário Lino desloca-se a Macau em substituição do ministro da Economia Manuel Pinho e é acompanhado pelo secretário de Estado do Comércio, Serviços e Defesa do Consumidor, Fernando Serrasqueiro, que depois seguirá para o continente chinês em visita oficial.

Em representação da China estará em Macau o ministro do Comércio, Bo Xilai, enquanto que Angola terá como líder da sua delegação o ministro do Comércio, Joaquim Muafumua.

O Brasil, em plena campanha eleitoral, terá na chefia da delegação o Secretário Executivo do Ministério do Desenvolvimento, Industria e Comércio, Ivan Ramalho, enquanto que Cabo-Verde estará representado pelo ministro da Economia, João Pereira da Silva.

A Guiné-Bissau tem como líder da delegação o ministro do Comércio e Indústria, Pascoal Domingos Baticã, Timor-Leste o ministro do Desenvolvimento, Arcanjo da Silva, e Moçambique o ministro do Desenvolvimento e Planificação, Aiuba Cuerneia.

Foi dirigido um convite às autoridades de São Tomé e Príncipe – país que mantêm relações diplomáticas com Taiwan em detrimento de Pequim – mas desconhece-se ainda qualquer decisão do Governo daquele país africano quanto à sua participação como observador na reunião ministerial.

Na primeira reunião realizada em 2003, a República Popular da China convidou também o governo de São Tomé e Príncipe a estar presente como observador, convite que na altura foi recusado com a alegação de impossibilidade de agenda dos ministros.

O Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, criado em 2003, foi lançado pela China para potenciar as relações privilegiadas de Macau com os países de língua portuguesa e visa estreitar as relações multilaterais para potenciar a cooperação e as trocas comerciais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH