China liderará o crescimento da produtividade nas próximas duas décadas

10 October 2006

Pequim, China, 10 Out – A China terá o maior crescimento do mundo em produtividade nas próximas duas décadas, afirmou segunda-feira em Pequim o presidente da Confederação Mundial da Produtividade, Jean-Claude Lauzon.

Em entrevista à agência noticiosa chinesa Xinhua por ocasião do 14ª Congresso Mundial da Produtividade que se realiza em Shenyang, Lauzon disse que a China conta com algumas vantagens apreciáveis, nomeadamente em termos de recursos humanos.

A China tem atraído grandes volumes de investimento directo estrangeiro e muitas empresas estrangeiras têm transferido os seus centros de produção e de investigação e desenvolvimento para aquele país asiático.

“A produtividade mundial será muito melhorada graças às invenções realizadas pelos chineses, muito particularmente se a China conseguir reduzir a poluição e o consumo energético”, disse.

O congresso da Confederação, segunda-feira iniciado, realiza-se de dois em dois anos tendo este ano contado com o apoio da Associação para a Ciência da Produtividade da China e do governo da cidade de Shenyang, capital da província de Liaoning. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH