Exportações de produtos agrícolas do Brasil para a China podem triplicar

27 October 2006

Brasília, Brasil, 27 Out – As exportações de produtos agrícolas do Brasil para a China podem vir a duplicar ou triplicar na sequência da visita de uma delegação chinesa ao estado do Mato Grosso, disse uma fonte oficial citada pela Agência Estado.

Amado de Oliveira Filho, consultor da Federação da Agricultura e Pecuária do Mato Grosso (Famato), que participou numa reunião reunião realizada em Cuiabá, entre representantes do governo chinês, instituições de pesquisa da China e agricultores do Estado, lembrou que a China importa do Brasil sete milhões de toneladas de cereais por ano.

“Entre Janeiro e Setembro deste ano a China importou 8,8 por cento de toda a produção agrícola do Brasil”, disse Amado de Oliveira Filho.

De acordo com a Famato, os chineses questionaram se o aumento da procura implicaria danos para o meio ambiente.

Apesar de o estado de Mato Grosso ser o maior produtor de cereais do Brasil, apenas 6% da sua área é ocupada com a cultura da soja um dos cereais mais importados pela China do Brasil.

A delegação chinesa que visitou uma fazenda de produção de soja, milho e pecuária no município de Campo Verde, que fica a 130 quilômetros de Cuiabá, anunciou estar interessada em desenvolver projectos de investimento em estradas, vias férreas e armazéns. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH