Jiangsu é melhor província para investir na China – estudo Banco Mundial

14 November 2006

Pequim, China, 14 Nov – A província de Jiangsu, na costa Sudeste da China, é o melhor destino para o investimento directo estrangeiro no país, afirma um estudo conjunto do Banco Mundial e do Centro Estatal de Informação da China (CEIC), segunda-feira divulgado em Pequim.

Tornado público nas páginas do jornal oficial económico chinês Economic Observer, o estudo menciona também o distrito autónomo de Xangai e as províncias de Fujian (ambas no litoral sudeste) e Guangdong, na costa sul do país, fronteira a Macau, como as melhores destinos para o investimento estrangeiro.

O relatório avaliou as condições macro-económicas de investimento nas províncias, a eficiência governamental e os indicadores de desenvolvimento sustentável.

Em termos de cidades, o estudo do Banco Mundial e do CEIC considera que Hangzhou, capital da província de Zhejiang, na costa leste do país, é a que apresenta melhores condições de atracção de investimento.

O relatório analisou 12,4 mil empresas em 120 cidades.

O estudo avalia também a administração macro-económica das cidades, a estabilidade da política fiscal, níveis de investimento e comércio exterior, eficiência administrativa e a qualidade das infra-estruturas e dos serviços financeiros, segundo o Economic Observer.

Atravessada pelo rio Yangtse, o maior da China, a província de Jiangsu é plana, com planícies cobrindo 68 por cento da sua superfície e com outros 18 por cento cobertos por água.

Em 2004, o Produto Interno Bruto nominal da província foi de 1,54 biliões de yuan ficando em terceiro lugar com uma taxa de crescimento anual de 13,5 por cento.

Jiangsu tem uma população de 74 milhões de pessoas e uma área de 102.600 quilómetros quadrados. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH