Angola pretende produzir 2 milhões de barris de petróleo por dia em 2008

17 November 2006

Luanda, Angola, 17 Nov – Angola deverá estar a produzir 2 milhões de barris de petróleo por dia em 2008, praticamente o dobro da produção registada em 2005, afirmou quinta-feira na Cidade do Cabo o geofísico-chefe da estatal Sonangol.

No decurso de uma conferência petrolífera naquela cidade sul-africana, Francisco Lopes da Cunha precisou que a meta a que a Sonangol se propõe é produzir 2 milhões de barris por dia contra uma produção diária de 1,25 milhões de barris em 2005.

Lopes da Cunha disse ainda que o sector petrolífero angolano, o segundo maior na África sub-saariana depois da Nigéria, precisa de investimentos anuais entre 4 a 5 mil milhões de dólares no futuro próximo.

Angola, cuja economia foi destruída por 27 anos de guerra civil, tem estado a beneficiar do aumento dos preços do petróleo nos mercados internacionais e de um aumento exponencial no investimento directo estrangeiro.

O gigante norte-americano Chevron é um dos grupos que aumentaram os investimentos no sector petrolífero em Angola com algumas empresas chinesas a terem entrado igualmente apoiadas por uma série de empréstimos chineses a Angola.

O enclave de Cabinda é o centro da exploração petrolífera em Angola, representando 65 por cento da produção.

A exploração na região é “offshore” mas o governo de Luanda tem estado a tentar convencer as empresas a efectuarem pesquisas em terra, agora que foi assinado o acordo de paz com o grupo separatista de Cabinda. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH