Construtora portuguesa Somague vai construir e recuperar nove repartições fiscais de Angola

23 November 2006

Luanda, Angola, 23 Nov – O governo angolano aprovou quarta-feira o contrato de empreitada celebrado entre o Ministério das Finanças e a construtora portuguesa Somague que visa a reabilitação, construção e apetrechamento de nove repartições fiscais no país.

O comunicado divulgado no final da reunião do Conselho de Ministros refere que a empreitada entregue à empresa portuguesa de construção civil está integrada na primeira fase do projecto de reforma fiscal, mas não adianta o valor do investimento previsto.

O contrato celebrado com a Somague abrange três repartições fiscais de Luanda e outras seis no resto do país.

Na reunião, o executivo angolano aprovou ainda um projecto de investimento privado que visa a construção de nove unidades hoteleiras em sete províncias do país.

Os novos hotéis serão construídos nas províncias de Luanda, Huambo, Cabinda, Benguela, Cuanza Sul, Namibe e Huíla, num investimento total que ascende a 11 milhões de dólares. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH