Empresa norte-americana prepara companhia aérea de Cabo Verde para privatização

5 December 2006

Cidade da Praia, Cabo Verde, 06 Dez – A companhia aérea cabo-verdiana TACV deverá ser privatizada dentro de um ano e o Governo já deu posse aos novos administradores da empresa, a norte-americana Sterling Merchant, escolhida através de concurso internacional.

O objectivo da Sterling Merchant é exclusivamente preparar a transportadora para a sua privatização que, de acordo com o Governo, deverá acontecer no prazo de um ano.

A TACV (Transportes Aéreos de Cabo Verde) atravessa uma prolongada crise financeira, situação que a Sterling Merchant e a sua parceira alemã Morz Transport Consult, deverão contornar de forma a que a companhia aérea possa ser privatizada em condições vantajosas para o Estado cabo-verdiano.

A transportadora, que é a companhia de bandeira da República de Cabo Verde, surgiu em 1958 sendo hoje uma empresa pública que conta com um quadro de pessoal de 750 trabalhadores. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH