BNU Macau aumenta lucros em 50 por cento em 2006, para 300 milhões de patacas

12 December 2006

Macau, China, 13 Dez – O Banco Nacional Ultramarino Macau, do grupo português Caixa Geral de Depósitos, vai ter este ano 300 milhões de patacas de lucro, mais 50 por cento do que em 2005, afirmou terça-feira em Macau o presidente da Comissão Executiva do banco.

Falando à agência noticiosa portuguesa, Herculano de Sousa disse que os resultados derivam da “aposta continuada no financiamento dos grandes projectos do sector do turismo e do jogo e da captação de mais negócios de retalho desses empreendimentos”.

Actualmente, o Banco Nacional Ultramarino Macau está a financiar e a prestar garantias bancárias, directamente ou com o envolvimento de outras empresas do grupo Caixa, cerca de 500 milhões de dólares nos projectos de quatro dos seis operadores de jogo que actuam em Macau.

Herculano de Sousa disse ainda que o banco está envolvido nos projectos da Las Vegas Sands – que explora o maior casino do mundo em Macau e está a construir um hotel/casino com 3.000 quartos – da Wynn Resorts, da parceira entre a MGM e Pansy Ho (filha do magnata dos casinos Stanley Ho) e do consórcio Melco/PBL, que envolve Lawrence Ho, filho de Stanley Ho.

No final de 2005, o Banco Nacional Ultramarino, que divide com o Banco da China as funções de banco emissor de moeda em Macau, registou lucros de 202,4 milhões de patacas), mais 152,8 por cento do que em 2004. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH