Estado da Bahia deverá receber 8,5 mil milhões de reais de investimentos até 2020

12 December 2006

São Paulo, Brasil, 13 Dez – O estado da Bahia, um dos principais destinos turísticos da região Nordeste do Brasil, deverá receber investimentos de 8,5 mil milhões de reais no turismo até 2020, afirmou terça-feira o responsável pela promoção turística da região.

Cláudio Taboada, presidente da Bahiatursa, empresa pública responsável pela promoção turística do Estado, salientou que o estado tem actualmente 43 voos internacionais por semana, com ligações diárias a Lisboa, através da TAP, com ligação imediata para 30 importantes cidades europeias.

Cláudio Taboada realçou que o número de turistas estrangeiros até 2020 deverá ascender a quatro milhões, um “considerável aumento” em relação aos 717 mil registados em 2005.

A projecção do plano da Bahiatursa é de que o estado receberá um total de 22 milhões de turistas brasileiros e estrangeiros que deverão gerar uma receita para o sector de cerca de seis mil milhões de euros.

“Para isso contamos com as parcerias e com os investimentos estrangeiros do sector, nomeadamente os de origem portuguesa”, disse o presidente da Bahiatursa.

Actualmente, os maiores grupos hoteleiros portugueses, como o Pestana, Vila Galé, Reta Atlântico, Somague e Alexandre de Almeida, mantêm investimentos no Estado da Bahia.

“O objetivo é tornar a Bahia, nos próximos 15 anos, no destino mais procurado no Brasil e um dos principais da América Latina”, destacou o presidente da Bahiatursa. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH