Projecto turístico Okavango recebe 25 milhões de dólares dos Estados Unidos e da União Europeia

1 February 2007

Luanda, Angola, 01 Fev – O projecto turístico de Okavango, que engloba cinco países da África Austral, Angola, Namíbia, Botswana, Zâmbia e Zimbabwe, recebeu 25 milhões de dólares para os trabalhos básicos das áreas do Kuando Kubango, no sul de Angola,segundo revelou o ministro angolano de Hotelaria e Turismo.

Financiado pelos Estados Unidos da América e pela União Europeia, a verba está a ser aplicado no estudo de viabilidade, inventariação dos recursos naturais e no levantamento aéreo das zonas com maior intensidade de minas, trabalhos que estiveram a cargo de uma organização não-governamental americana, a “Conservation International”.

O ministro Eduardo Jonatão Chingunji revelou que parte da verba será empregue também na formação das comunidades residentes nas zonas contempladas pelo Okavango, na qualidade de potenciais beneficiários, ensinando-as a constituírem pequenas empresas turísticas e dotá-las de técnicas de hotelaria e turismo.

De acordo com o ministro de Hotelaria e Turismo, o projecto “Okavango”, criado em Dezembro de 2006 no encontro de “Victoria Falls”, poderá tornar-se numa das maiores referências do turismo do mundo, devido à diversidade dos seus produtos turísticos.

“É a partir do eco-turismo, safari, caça, pesca desportiva, entre outras, que vamos atrair milhares de turistas dos quatro cantos do planeta, incluíndo aqueles que se deslocarão para o Mundial de futebol na África do Sul a decorrer em 2010”, sublinhou o ministro de Hotelaria e Turismo, Eduardo Jonatão Chingunji.

Segundo o ministro, estas potencialidades do Kuando Kubango já reconhecidas pela Namíbia, Botswana, Zimbabwe e pela Zâmbia, entre as quais se destacam os elefantes, vão proporcionar um espectáculo, já que na região se movimenta uma das maiores manadas daqueles mamíferos.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH