Investimento português na África de língua portuguesa cai em 2006

23 February 2007

Lisboa, Portugal, 23 Fev – O investimento líquido português na África de língua portuguesa caiu 29 por cento em 2006 em termos anuais e recuperou acentuadamente no Brasil, de acordo com dados quinta-feira divulgados em Lisboa pelo Banco de Portugal.

Na África de língua portuguesa – Angola, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau e Cabo Verde – o saldo do investimento foi de 124,4 milhões de euros, tendo sido a única das principais zonas económicas para Portugal a registar uma variação negativa do investimento.

Este valor resulta da diferença de 418,2 milhões de euros de investimento feito por Portugal naqueles países menos 293,8 milhões de euros de desinvestimento, ou seja, dinheiro repatriado para Portugal.

Em 2005, o saldo de investimento tinha ascendido a 176,4 milhões de euros, quase seis vezes mais do que em 2004.

Em relação ao Brasil, o saldo do investimento foi positivo em 67 milhões de euros, o que demonstra uma travagem do desinvestimento registado em 2005, quando o saldo foi negativo em 426 milhões de euros.

Em 2004, Portugal investiu 291,6 milhões de euros no Brasil, ainda de acordo com os dados do Banco de Portugal.

No total, o investimento português no estrangeiro em 2006 registou um aumento de 67 por cento, para 2,79 mil milhões de euros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH