OPV de 28,5 por cento do capital da Enacol de Cabo Verde já está em marcha

21 March 2007

Cidade da Praia, Cabo Verde, 21 Mar- A Oferta Pública de Venda (OPV) de 28,5 por cento do capital social da Empresa Nacional de Combustíveis (Enacol) detido pelo Estado foi terça-feira lançada oficialmente com uma cerimónia presidida pelo ministro da Economia, Crescimento e Competitividade de Cabo Verde, José Brito.

O ministro salientou que o Estado vai manter uma participação de 1 por cento enquanto “golden share”, um instrumento que lhe permitirá ter a última palavra em matérias importantes da vida da empresa e sempre que o interesse público esteja em jogo, uma vez que se trata de um sector considerado estratégico.

O governo prevê para esta OPV um encaixe financeiro de 1,2 milhões de contos cabo-verdianos (cerca de 11 milhões de euros).

Os interessados poderão emitir as suas ordens de compra aos respectivos bancos comerciais entre os dias 26 de Março e 20 de Abril.

O resultado será apurado a 23 de Abril, passando a Enacol a ser cotada na Bolsa de Valores a partir do dia 25 desse mesmo mês.

O capital social da Enacol é actualmente controlado pela Petrogal, do grupo português Galp Energia, e pela angolana Sonangol, ambas com 32,5 por cento, o Estado de Cabo Verde com 29,5 por cento, trabalhadores com 3,6 por cento e público em geral com 1,9 por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH