China obtém empréstimo do Banco Mundial para limpar delta do Rio das Pérolas

27 March 2007

Pequim, China, 27 Mar – O Banco Mundial concedeu um empréstimo de 96 milhões de dólares para a limpeza do Rio das Pérolas, noticiou segunda-feira a imprensa oficial chinesa.

O financiamento envolve um investimento total de 188 milhões de dólares e representa a segunda fase de um projecto de limpeza intensiva do delta do Rio das Pérolas, que sofre as descargas poluentes da província de Guangdong, no sul, de acordo com o jornal económico oficial Economic Observer.

O empréstimo do Banco Mundial, adianta o jornal, permitirá expandir as estações de tratamento de água nas cidades de Foshan e Jiangmen, responsáveis por cerca de 15 por cento das descargas poluentes no delta.

O projecto prevê também o reforço das margens do rio para prevenir inundações e estabelecer um sistema de acompanhamento e fiscalização de qualidade da água.

Em 2004, o Banco Mundial concedeu empréstimos para a construção de uma unidade de tratamento de água na cidade de Cantão, capital da província de Guangdong, que era até então a maior fonte individual da poluição do rio.

Uma das regiões com ritmo de crescimento económico mais rápido na China, o ambiente do Delta do Rio das Pérolas tem vindo sofrer do desenvolvimento económico pouco sustentável e com a falta de infra-estruturas, uma vez que a maioria das emissões industriais e domésticas não recebem tratamento antes de serem lançadas ao rio.

O governo provincial de Guangdong iniciou um plano de limpeza do rio em 2002, com investimentos previstos superiores a 5 mil milhões de dólares em unidades de tratamento de água até o final da década. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH