Importação chinesa de minério de ferro poderá exceder previsões para 2007

13 April 2007

Pequim, China, 13 Abr – As importações chinesas de minério de ferro, segunda maior exportação brasileira para a China, poderão exceder os 355 milhões de toneladas previstas pela Associação de Ferro e Aço chinesa, noticiou quinta-feira a imprensa oficial chinesa, citando analistas do sector.

“Os analistas afirmam que caso o crescimento registado no primeiro trimestre do ano continue entre Abril e Dezembro, as importações totais de 2007 irão exceder a previsão de 355 milhões de toneladas”, referiu a agência noticiosa oficial chinesa Nova China.

No primeiro trimestre do ano, a China importou 100,19 milhões de toneladas de minério de ferro, 23,4 por cento mais do que no mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Administração Geral das Alfândegas (AGA) do país.

A China, o maior produtor e consumidor de aço do mundo, importou 325 milhões de toneladas de minério de ferro – a maioria do Brasil – e produziu 418,78 milhões de toneladas de aço sem processamento em 2006, segundo a AGA.

O Brasil é o maior fornecedor mundial de minério de ferro à China e a matéria-prima é, a seguir à soja em grão, a segunda maior exportação brasileira para a China.

A empresa brasileira Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) tornou-se no maior fornecedor da China de minério de ferro em 2006, tendo vendido ao longo do ano passado 77,8 milhões de toneladas no mercado chinês, mais 37,8 por cento do que em 2005 e quase um quarto (23,2 por cento) do total comprado pelos chineses em 2006. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH