Cabo Verde acolhe em 2008 quarto encontro de empresários chineses e lusófonos

20 April 2007

Maputo, Moçambique, 20 Abr – A 4ª edição do Encontro de Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e CPLP, fórum lançado por Pequim em 2003, vai realizar- se em Cabo Verde no final do primeiro semestre de 2008.

Fonte da organização do evento, destinado a “reforçar a cooperação e intercâmbio” entre empreendedores da China e de Estados da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, disse à agência noticiosa portuguesa Lusa que o encontro terá lugar “em Maio ou Junho” do próximo ano na Cidade da Praia ou na ilha do Sal.

Certo, para já, é que o certame deverá prolongar-se por “mais dias” (o encontro de Maputo teve a duração de dois dias) para atender à preocupação dos empresários, que têm manifestado “uma certa frustração” face ao pouco tempo disponível para contactos e concretização de negócios.

Quinta-feira, mais de 500 empresas chinesas e de países lusófonos deram início em Maputo ao terceiro encontro de Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e CPLP, a primeira iniciativa do género realizada em Moçambique.

A abertura do evento coube à primeira-ministra de Moçambique, Luísa Diogo, para quem este tipo de encontros devem ter mais expressão prática.

Pelo palco do encontro foram depois passando representantes de instituições de promoção de comércio e investimentos, câmaras de comércio e associações empresariais da China e da CPLP.

Zhang Wei, vice-presidente do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional (CCPIT), transmitiu aos presentes o desejo de Pequim de elevar as relações económicas entre os países participantes a “um novo patamar”, referindo a cada passo da sua intervenção à “amizade histórica” que une a China aos países africanos que integram a CPLP.

Construção de portos, aeroportos, estradas, “prédios e residências”, agricultura, turismo, formação em alta tecnologia são algumas das áreas referidas por Zhang Wei. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH