Empresas estrangeiras interessadas no minério de ferro de Cassinga, Angola

26 April 2007

Lubango, Angola, 26 Abr – Empresas estrangeiras estão interessadas no minério de ferro da mina de Cassinga, localizada no município da Jamba, província da Huíla, afirmou quarta-feira em Lubango o presidente do conselho de administração da Empresa Nacional de Ferro de Angola, Ferrangol, Diamantino Azevedo.

De acordo com Azevedo, citado pela agência noticiosa angolana Angop, o relançamento da actividade mineira em Cassinga, interrompida em 1976, passa por uma definição de modalidade de parceria entre os investidores internacionais e a Ferrangol, iniciativa que cabe ao governo angolano tomar.

O presidente da Ferrangol disse estarem a ser realizados alguns estudos geológicos complementares para se apurar com precisão o que há em termos de reservas mineiras, com as prováveis a serem estimadas em 4 mil milhões de toneladas.

Até 1974, a mina produzia seis milhões de toneladas do minério de ferro/ano e actualmente Kassinga tem pelo menos 100 afloramentos, 30 jazigos com estudos profundos já feitos.

Em 1981, foi feita uma tentativa para relançar a actividade com a contratação de uma empresa austríaca mas os esforços foram gorados devido ao conflito militar. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH