Navio gigante japonês transportará para a China minério de ferro da brasileira Vale do Rio Doce

9 May 2007

Tóquio, Japão, 09 Mai – A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD), do Brasil, e o armador Nippon Yusen assinaram, na semana passada, um acordo que inclui a construção de um dos maiores cargueiros do mundo, destinado a transportar minério de ferro do Brasil para a China, informou terça-feira a imprensa japonesa.

O jornal económico japonês Nihon Keizai Shimbun (Nikkei) escreve que o acordo representa para a CVRD um investimento no mercado chinês de cerca de 40 mil milhões de ienes (332,5 milhões de dólares), o valor que a empresa brasileira vai pagar ao armador japonês.

O contrato entre a Nippon Yusen e a CVRD tem a duração de 20 anos e entra em vigor a partir de 2001, com o cargueiro gigante a transportar por ano 1,3 milhões de toneladas de minério, diz o Nikkei.

A construção da embarcação, com uma capacidade de transporte de 300 mil toneladas, ficará a cargo de uma empresa chinesa do grupo de estaleiros japoneses Kawasaki Heavy Industries e vai custar cerca de 10 mil milhões de ienes.

O cargueiro, de acordo com o Nikkei, vai assegurar a rota entre três portos brasileiros e quatro portos chineses, incluindo Xangai, o centro industrial e comercial do país e Zhanjiang, na província de Guangdong, no sul da China, que faz fronteira com a Região Administrativa Especial de Macau, a partir dos quais o minério de ferro será distribuído a pequenos produtores de aço chineses.

A China, o maior exportador mundial de aço, é o maior importador mundial de minério de ferro, comprando em média 400 milhões de toneladas da matéria-prima por ano, um valor que, de acordo com fontes do sector citadas pelo Nikkei, deverá subir aos 560 milhões de toneladas até 2015.

No primeiro trimestre de 2007, a China importou 100,19 milhões de toneladas de minério de ferro, 23,4 por cento mais que no mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Administração Geral das Alfândegas do país.

Em 2006, a China importou 325 milhões de toneladas de minério de ferro e o Brasil foi o maior fornecedor mundial da matéria-prima que é, a seguir à soja em grão, a segunda maior exportação brasileira para a China.

A empresa brasileira Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) tornou-se no maior fornecedor da China de minério de ferro em 2006, tendo vendido ao longo do ano passado 77,8 milhões de toneladas no mercado chinês, mais 37,8 por cento do que em 2005 e quase um quarto (23,2 por cento) do total comprado pelos chineses em 2006. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH