Moçambique receberá este ano mais de um milhão de turistas

15 May 2007

Lisboa, Portugal, 15 Mai – O ano em curso será o melhor das últimas décadas para o turismo de Moçambique, graças a mais de um milhão de visitantes e receitas em torno de 150 milhões de dólares, afirmou segunda-feira em Lisboa o vice-ministro moçambicano do Turismo.

Em declarações à agência noticiosa portuguesa Lusa, o vice-ministro Rosário Mualeia, que esteve em Lisboa na cimeira do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na sigla inglesa), adiantou que o investimento realizado no sector deverá ascender este ano a 250 milhões de dólares, mais 100 milhões do que em 2006.

As zonas do sul do país e, em particular, a capital Maputo, mostram estar no topo da preferência dos investidores no país, concentrando a parte mais importante dos projectos hoteleiros em curso, de acordo com o governante moçambicano.

Para estimular o sector, as autoridades moçambicanas lançaram recentemente um pacote de incentivos fiscais ao investimento e estão envolvidas no processo de abolição de vistos de entrada da SADC (Comunidade de Desenvolvimento da África Austral).

“Moçambique é um destino muito atraente, temos melhores condições do que muitos outros países, mais de 2.900 quilómetros de costa, temos sim de trabalhar na promoção” internacional do país, disse Mualeia.

Nesse sentido se concretizou a participação moçambicana na cimeira da WTTC, onde, lamenta Mualeia, “pouco se falou de África”, continente cujo crescimento turístico é considerado uma das “chaves” para o desenvolvimento dos países.

Mualeia faz questão de salientar que o número de turistas em Moçambique está a crescer a sete por cento ao ano, acima da média africana, que se fica pelos cinco por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH