Grupo brasileiro investe na construção de uma fábrica em Angola

21 May 2007

São Paulo, Brasil, 21 Mai – O grupo brasileiro Medabil vai investir 40 milhões de reais na construção de uma fábrica em Angola para produzir e montar estruturas metálicas, de acordo com o jornal Valor Económico.

Trata-se da primeira unidade do grupo brasileiro no estrangeiro, que irá acontecer em parceria como o grupo angolano Gema, que ficará com 49 por cento do negócio.

A decisão de abrir uma subsidiária angolana decorreu dois meses depois da assinatura de um contrato com o Governo angolano no valor de 15 milhões de dólares para aconstrução de 88 obras.

O contrato inclui a construção em estrutura metálica de pequenos supermercados e pavilhões industriais, salientou Attlio Bilibio, presidente da Medabil, com sede no Estado do Rio Grande do Sul.

A fábrica será construída nos arredores de Luanda,com uma capacidade de processamento de 12 mil toneladas de aço por ano, a partir de matéria-prima importada do Brasil.

A nova unidade,com início de operação no segundo semestre de 2008, poderá também servir de base para operações em países próximos, como Moçambique.

“Mas primeiro vamos consolidar os projectos actuais”, salientou o executivo, cujos planos incluem a duplicação da capacidade total de produção, nos próximos três anos.

Os planos de expansão do grupo incluem ainda a construção de uma fábrica na Argentina e a ampliação da capacidade de produção da fábrica-sede, num investimento total de 200 milhões de reais.

A capacidade de produção passará das actuais 45.000 toneladas para 100.000 toneladas, o que elevará a facturação anual para cerca de mil milhões de reais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH